Caroço de carvalho

Leite de carvalho (Lactarius zonarius) Leite de carvalho (Lactarius zonarius) Leite de carvalho (Lactarius zonarius)

Leite de carvalho (Lactarius zonarius)

Sistemática:

  • Departamento: Basidiomycota (Basidiomycetes)
  • Subdivisão: Agaricomycotina (Agaricomycetes)
  • Classe: Agaricomycetes (Agaricomycetes)
  • Subclasse: Incertae sedis (indefinido)
  • Pedido: Russulales
  • Família: Russulaceae (Russula)
  • Gênero: Lactarius (Miller)
  • Espécie: Lactarius zonarius (leite de carvalho)

Sinônimos:

  • Carvalho Ryzhik;

  • Lactarius insulsus

Leite de carvalho (Lactarius insulsus)

O cogumelo do carvalho, ou, como também é chamado, cogumelo do carvalho, parece muito semelhante a todos os outros cogumelos e difere deles apenas na cor ligeiramente avermelhada ou laranja-amarelada ou laranja-tijolo de seu corpo de fruto. E por sua característica genérica crescer em arbustos, montes ou montes ('cogumelos de leite') nas florestas de carvalho das florestas decíduas, e esse era o seu nome. O cogumelo do carvalho, assim como os cogumelos do álamo e do álamo, é o principal competidor do cogumelo preto e também perde para ele em apenas uma coisa – na presença constante de sujeira na superfície de sua tampa devido ao fato de que ocorre a maturação do cogumelo do carvalho, bem como do cogumelo do álamo e do álamo , via de regra, sob o solo e na superfície, já se mostra maduro. Em termos de alimentos e indicadores de consumo, os cogumelos do carvalho (como os cogumelos do álamo e do álamo) pertencem aos cogumelos comestíveis condicionalmente da segunda categoria. Também é considerado comestível condicionalmente devido à presença de um suco leitoso amargo ardente em sua polpa, o que pode ser atribuído às vantagens deste tipo de cogumelos, pois, devido à sua presença, os cogumelos do carvalho, como outros cogumelos, raramente infectam o cogumelo vermes.

Os cogumelos do carvalho são bastante comuns, mas em florestas ricas em espécies de árvores de folhas largas, como carvalho, faia e carpa. O período principal de amadurecimento e frutificação nelas ocorre aproximadamente em meados do verão e, mais perto do outono, saem à superfície, onde continuam a crescer e a frutificar, pelo menos até o final de setembro – início de outubro.

O torrão de carvalho pertence aos cogumelos lamelares, ou seja, o pó de esporo com o qual ele se multiplica está em seus pratos. As próprias placas são muito largas e frequentes, de cor rosada esbranquiçada ou laranja avermelhada. Seu gorro é afunilado, largo, côncavo para dentro, com borda levemente tomentosa, de cor avermelhada ou amarelo-laranja-tijolo. A perna é densa, uniforme, estreitada para baixo e oca por dentro, esbranquiçada ou rosada. Sua polpa é densa, esbranquiçada ou cremosa. A seiva leitosa tem um sabor muito picante, de cor branca e, ao entrar em contato com o ar, não o altera. Cogumelos com leite de carvalho são comidos apenas na forma salgada, depois de serem preliminares e bem embebidos em água fria para remover o sabor amargo. Não se deve esquecer que os cogumelos do carvalho, assim como todos os outros cogumelos, nunca são secos.

Leite de carvalho (Lactarius zonarius) Leite de carvalho (Lactarius zonarius) Leite de carvalho (Lactarius zonarius)

Foto do cogumelo Cogumelo do carvalho das perguntas em reconhecimento:

Lactarius zonarius - leite de carvalho Lactarius zonarius - leite de carvalho 06/05/2017

Nature lover
Rate author
Caça, pesca e cogumelos: uma revista para caçadores e pescadores.
Add a comment